h1

Vereadores são expulsos do PSB

13/04/2011

 Os vereadores Gil Magno e Baninho estão fora do PSB, partido pelo qual legislavam. O motivo da saída forçada, dado pela direção do partido, foi infedelidade partidária. Agora o partido pode requerer, junto ao Tribunal Superior Federal (TSE), o mandato dos dois.

O processo de expulsão teve início há três meses, quando os vereadores não seguiram uma determinação do partido, na eleição para presidente da Câmara. Gil Magno e Baninho apoiaram o atual presidente, Paulo Igor (PMDB). A ideia era o PSB ter candidatura própria na Casa, o que não aconteceu. A Comissão de Ética deu um parecer favorável a saída dos dois do partido.

Os vereadores se mostraram inconformados com a decisão e afirmaram sofrer perseguição política:

 “O processo de expulsão é um instrumento de nítida e grave perseguição política, cujo objetivo é cassar os mandatos outorgados pelas urnas, que representam a vontade do povo”, afirmaram via assessoria.

O PSB declarou que os dois vereadores tiveram chance de defesa mas a expulsão era inevitável, quando os legislandos feriram princípios éticos do partido. Vadinho e Jorginho Banerj, agora, são os únicos vereadores do PSB na Casa.

 

Por Igor Berrogain

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: