h1

A cidade maravilhosa captada na tela

12/04/2011

SÃO PAULO (Reuters) – Era preciso um brasileiro para fazer um filme sobre o Rio de Janeiro. Esqueça os olhares estrangeiros, a falta de sensibilidade gringa para compreender a cor, o ritmo e o gingado. Na animação ‘Rio’, do carioca Carlos Saldanha — mesmo diretor da série ‘A Era do Gelo’ — a Cidade Maravilhosa está lá, toda captada na tela, em suas qualidades e problemas, embora esses venham um pouco amenizados. Afinal, este é um filme que tem primariamente como público as crianças.

Com sua estréia no dia 8 de abril, em cerca de mil salas de cinema, a animação se tornou o maior lançamento no Brasil, de acordo com o G1, portal de notícias da Globo.  “Rio” conta a história de Blu, uma arara azul que quando ainda filhote foi contrabandeada para os Estados Unidos. Blu encontra em Túlio, um biólogo brasileiro, a esperança de voltar as suas raízes. Túlio tem como objeto fazer com que Blu e Jade (única arara azul fêmea) cruzem para que não haja extinção da espécie.

Assim que a ararinha azul Blu e sua dona Linda chegam ao Rio de Janeiro enfrentam um enorme choque cultural, ruas fechadas, pessoas sambando para todos os lados… Era carnaval.

Já no Rio de Janeiro, Blu e Jade serão capturados por um órfão e entregues para Marcel, chefe da venda ilegal de animais. Quando a dupla consegue fugir, suas pequenas pernas estão acorrentadas. Como Blu, sempre vivendo em cativeiro, não aprendeu a voar, eles são obrigados a correr, na companhia de outras três aves, o tucano Rafael, Nico e Pedro, enquanto são perseguidos por uma malvada cacatua.

Segundo Alysson Oliveira do Cineweb, “Rio” é um filme de referências e homenagens. Por estarem acorrentados um ao outro, Blu e Jade precisam se suportar, assim como o casal de Hitchcock em “Os 39 degraus”. Já a fuga na favela traz imagens bem parecidas com a da galinha em fuga de “Cidade de Deus”, de Fernando Meirelles. O crítico finaliza ressaltando que as músicas bem inseridas na narrativa dão um show à parte, como Carmem Miranda que é lembrada no chapéu de frutas do cachorro Luiz.

 

por  Reuel Almeida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: